Central de Atendimento:(SAC)
(71) 4141-3400
Exportações superam importações e Brasil tem superavit de US$ 19,7 bi

A desvalorização cambial e a retração da economia brasileira contribuíram para que o Brasil registrasse em 2015 um saldo positivo de US$ 19,7 bilhões nas suas operações de comércio exterior.

Esse foi o maior saldo desde 2011, quando as exportações superaram as importações em U$S 29,7 bilhões, de acordo com o Mdic (Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior). Em 2014, houve deficit de US$ -4,0 bilhões.

O saldo positivo só foi alcançado porque as importações tiveram uma queda muito superior à das exportações no período. O valor total movimentado pelo país no comércio exterior, no entanto, recuou aos níveis de 2009.

O dólar mais caro e a retração da economia brasileira contribuíram para reduzir a média diária de importações em 24% no ano passado em relação a 2014. O país consumiu US$ 171,5 bilhões em produtos de outros países, menor valor desde 2009.
Houve queda, por exemplo, na importação de insumos como combustíveis, produtos químicos e peças para veículos, além de um consumo menor de aparelhos eletroeletrônicos.

As exportações brasileiras também recuaram, 14% pela média diária na mesma comparação. As vendas em 2015 somaram US$ 191,1 bilhões, também o menor valor em seis anos.

Fonte: UOL